• Fabio Ritter

Faltou conhecer a regra

Alguma vez tu já estudaste as regras do jogo? Tens certeza de que sabes ao menos 80% do que diz o manual de regras do jogo da FIFA? Será?

Pois tenho certeza que a maioria dos nobres blogoleiros ainda não gastou um tempinho de sua vida para entender um pouco mais sobre as regras do jogo de futebol. O mesmo parece ter ocorrido com Júlio César, do Corinthians, na partida do último domingo diante do Goiás.

O goleiro alvi-negro tentou despachar com os pés um recuo de bola de Roberto Carlos e acabou entregando nos pés do adversário que acabou fazendo o gol. O grande detalhe desta jogada está no fato do lateral corintiano ter passado com a coxa. E aí, o goleiro pode ou não pode pegar com as mãos?

Esta pergunta, que geralmente Arnaldo César Coelho faz, tem grande importância em nossas vidas, pois ela envolve o recuo de bola para o goleiro. Segundo consta nas regras oficias do jogo (publicado pela FIFA aqui e traduzido pelo Portal Brasil aqui), somente é tiro livre indireto quando o goleiro tocar a bola com as mãos depois que um jogador de sua equipe a tenha cedido com o PÉ. Isto está escrito claramente na página 33 do manual da FIFA, no capítulo de faltas e conduta anti-desportiva (versão original aqui e traduzida aqui).

Dessa forma, se um goleiro receber um recuo com qualquer outra parte do corpo que não o pé, ele poderá sim pegar a bola com as mãos. Se o nosso bom goleiro Júlio César soubesse disso ele agarraria tranquilamente este recuo do lateral Roberto Carlos e evitaria o gol que tu podes conferir novamente no vídeo abaixo. .

0 visualização0 comentário