• Fabio Ritter

Imobilização de dedos

Muitos goleiros me perguntaram recentemente sobre as ataduras que muitos goleiros usam nos punhos e deixam à vista nos seus antebraços. Da mesma forma, outros goleiros questionaram sobre a necessidade da utilização de esparadrapo nos dedos.

Conforme disse aqui em 2008, após participar de uma palestra de um fisioterapeuta espanhol no Campus Soloporteros, as proteções de ataduras e esparadrapos são válidas apenas para atletas que tenham algum tipo de lesão. Caso contrário, elas podem enfraquecer as articulações, pois o corpo se acostumaria com essas proteções.

Como não sou da área, não questionei essa colocação e desde então nunca mais usei atadura nos tornozelos, tampouco nos punhos. Coincidência ou não, não me fizeram falta.

No entanto, caso alguma proteção seja necessária, vai aí uma dica. A foto abaixo mostra como o goleiro Pepe Reina, do Liverpool, protege seus dedos para os treinamentos. Repare que são tiras de esparadrapo colocadas na região entre as juntas dos dedos. Eu mesmo já utilizei esse tipo de proteção e posso garantir que não interfere nos movimentos. São válidas principalmente para jogos importantes ou treinamento em campos de baixa qualidade onde o gramado, ou a falta dele, pode promover constantes desvios na trajetória da bola.


0 visualização0 comentário