• Fabio Ritter

Júlio César fecha a porta de Renan Reuter

Contestado por jornalistas e parte da torcida do Corinthians, o goleiro Júlio César teve seu posto de camisa 1 colocado à prova quando o clube resolveu contratar o jovem Renan Reuter, do Avaí, na última semana. Alguns acreditavam que Renan naturalmente assumiria o posto de titular. Tite, no entanto, saiu em defesa de JC e bancou o goleiro como numero 1.

Deixando a pressão de lado, Júlio entrou muito focado na partida diante do Fluminense, ontem pelo Brasileirão Petrobrás. Fez uma daquelas atuações de como quem diz: “Número 1, sou eu”. Foi um dos responsáveis diretos pela vitória por 2 a 0, garantindo sua invencibilidade na partida.


Destaco duas defesas, pelo grau de dificuldade e importância. A primeira aconteceu no primeiro tempo após a cabeçada frontal da entrada da pequena área. Júlio teve muito reflexo, acertando bem a direção ao espalmar a bola.

A segunda defesa, no segundo tempo, aconteceu após cruzamento no interior da área. Depois de cruzar toda a área e passar por diversos jogadores, Júlio aguardou bem alguma eventual conclusão e, no momento certo, mergulhou no canto direito para espantar o perigo. Defesa dificílima.

Além dessas duas defesas, JC foi importante em outras jogadas 1 vs. 1, em cruzamentos e chutes de média distância. Grande atuação para um goleiro que merece, pelas suas atuações, ser o titular do Corinthians.

0 visualização0 comentário