top of page
  • Foto do escritorFabio Ritter

México e os Baixinhos

Famoso nos anos 90 por usar o goleiro Jorge Campos, o mais baixo que já vi jogar no futebol de elite, o México parece gostar dos atletas de baixa estatura para a posição. No amistoso de ontem diante do Brasil foi a vez de J.J. Corona, com 1,80m (ao menos na ficha, pois a primeira vista parecia menos) entrar em campo.

Como Campos, Corona não fez feio. Deu algumas pontes interessantes, compensando com impulsão a baixa estatura. O posicionamento correto também foi importante para estar no local certo, na hora certa.

A atuação do goleiro de 31 anos traz a tona aquele polêmico tema da altura ideal de um goleiro de elite. Apesar de muitos defenderem 1,85m ou até 1,90m como mínimo para um goleiro, a cada dia que passa temos um novo exemplo de um goleiro atuando em alto nível com alturas ditas “baixas”.

Não vou aqui definir o tema, mas apenas quero trazer para discussão novamente. Também quero conhecer a opinião do blogoleiro sobre o assunto. Por isso, comente!


0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page