• Fabio Ritter

Mais um baixinho aprontando aí


A derrota do São Paulo, ontem, pela Copa Bridgestone Libertadores, diante do Arsenal, da Argentina, passou diretamente pelo goleiro da equipe da terra do Papa. Campestrini jogou demais e fechou o gol. Detalhe, o goleiro mede 1,79m segundo informou a reportagem da Fox Sports durante a partida.

Engraçado que mais uma vez vemos um goleiro baixo jogando em competição de alto nível. E, mais incrível ainda, que ele é destaque do jogo. Ou seja, mais uma vez vemos que há sim espaço para goleiros mais baixos, mas que são fora de série tecnicamente. Não estou dizendo que este é o caso do goleiro argentino, pois pouco conheço de sua carreira. Mas como sempre defendo aqui, acho que vale mais um goleiro fora de série de 1,80 do que um intermediário de 1,95.

Vídeo com melhores momentos: http://www.foxsports.com.br/videos/21828163838-veja-os-melhores-momentos-de-arsenal-arg-2-x-1-sao-paulo As defesas de Campestrini foram na sua maioria de velocidade de reação, algo vital para um goleiro. Mostrou também agilidade e bom posicionamento em jogadas 1 vs. 1. Cresceu no gol em todas as situações diante dos atacantes são-paulinos. Deu uma aula de jogar debaixo das traves. No gol, quase que salvou o desvio contra de seu zagueiro. Mesmo assim, mostrou excelente qualidade para um baixinho de 1.79m.

PS: Ceni também jogou demais. Quantas defesas!! Parece vinho, quanto mais velho melhor.

2 visualizações0 comentário