terça-feira, 29 de julho de 2014

Defesa da Semana 19

Confira abaixo o que rolou de melhor na 19ª Edição da Defesa da Semana. A primeira defesa indicada é do goleiro Aranha, do Santos. Na partida que completou 100 jogos com a camisa do clube, diante da Chapecoense, o goleiro faz uma boa defesa em um chute frontal mostrando reação e impulsão.

Reação e recuperação também mostrou o goleiro do Fluminense, Diego Cavalieri. Após a bola desviar no meio da trajetória, o goleiro mudou a direção e buscou a bola no canto direito.

A terceira defesa indicada é de Renan, do Goiás. Em uma jogada 1 vs. 1 diante do São Paulo o goleiro aguarda até o último momento a conclusão. Após o disparo, mergulha em uma boa queda angulada.

Por fim, o goleiro Marcelo Grohe, do Grêmio. Em uma jogada também 1 vs. 1 o goleiro fez como Renan e aguardou até o momento do chute. Caiu certinho no canto esquerdo para espalmar a bola e depois contou com a sorte quando ela bateu na trave.

Confira as defesas indicadas abaixo e vote no menu ao lado.

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Índice Penalty Guarda Metas - 12ª rodada Brasileirão 2014

Depois de sofrer três gols diante do Coritiba, o goleiro Marcelo Grohe, do Grêmio, perdeu a primeira posição. O novo dono é o goleiro Aranha, do Santos, que saiu invicto na partida que completou 100 jogos com a camisa do Santos, diante da Chapecoense. O goleiro alvi-negro tem IPGM de 0,50. Na segunda posição vem Cássio, do Corinthians, com 0,55, após sair invicto no clássico diante do Palmeiras. Confira abaixo o resultado atualizado do Índice Penalty Guarda Metas após o término da 12ª rodada do Brasileirão 2014.


Victor vence Defesa da Semana 18

O goleiro do Atlético Mineiro, e da Seleção Brasileira, Victor venceu a Defesa da Semana 18. Na partida diante do Bahia, o goleiro defendeu uma bomba frontal do atacante do Bahia. Mostrou boa reação e queda angulada. A defesa foi eleita com 32% dos votos.


sexta-feira, 25 de julho de 2014

O martírio de JC12

O goleiro brasileiro Júlio César viveu momentos de herói e vilão durante sua história com a camisa da seleção brasileira. Reportei isso durante os meses que antecederam a Copa, além do período durante o próprio mundial. Ali o goleiro foi herói, na partida contra o Chile por exemplo, mas não saiu impune da histórica goleada de 7 a 1 diante da Alemanha. Por mais que não tenha influenciado o placar, até fico imaginando qual goleiro poderia ser capaz de fazer isso tamanha a elasticidade do escore, JC ficou marcado como todo o time de Felipão. Em termos de seleção brasileira, certamente foi o final da linha para o goleiro. Na carreira, no entanto, ele ainda pode, e deve, buscar novos desafios.

Hoje foi confirmado pelo Toronto FC que Júlio voltará ao Queens Park Rangers, da Inglaterra, encerrando o período de empréstimo para o time canadense. Depois de 7 partidas na MLS, o goleiro saiu invicto em 2 e ainda conquistou a Defesa da Semana 7. Com o time, conquistou 3 vitórias e sofreu 4 derrotas.

O período no Canadá foi relatado pelo próprio Júlio como um grande aprendizado na vida. Em vídeo, o goleiro mostrou toda a emoção ao se despedir dos colegas antes de ir ao Mundial, no Brasil.



Apesar de toda a identificação com o clube, em tão pouco tempo, JC voltará a terra da rainha. De lá, guarda más lembranças, pois foi naquela ocasião que chegou a treinar em campos de praça com seu filho.

No QPR dificilmente ele permanecerá. Dizem que seu destino pode ser o Benfica, de Portugal. Assim como ocorreu durante todo final de 2013 e início de 2014, o goleiro brasileiro inicia mais um martírio em busca de um novo clube. Quem quer Júlio César?

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Luva da Mizuno

No treino de ontem da SE Palmeiras, o goleiro reserva Deola utilizou um modelo não muito comum de luva. Famosa por suas chuteiras, em especial a fantástica Morelia, a Mizuno pouco investe no mercado de luvas. Raramente encontramos modelos da marca no mercado. Pois no treino de ontem do verdão Deola usou uma luva especial da Mizuno.


O modelo é daquele estilo Made in Paquistan. Tem tecido sintético no dorso e palma com corte rollfinger. O fechamento é com munhequeira elástica e cinta em velcro.

O blogoleiro do Guarda-Metas.com sempre ligado nas luvas já encontrou onde comprar. O amigo Jairo Stramare mandou a dica para a gente.


A luva pode ser adquirida no ebay americano, em  http://www.ebay.com/itm/Mizuno-JAPAN-Goal-Keeper-Glove-12EG350-White-Silver-/221291482694?pt=LH_DefaultDomain_0&var=&hash=item3386000e46. Vá lá, valeu muito mais pela informação do que para ir atrás e comprar a luva. Existe uma série de modelos melhores e mais em conta no mercado nacional. Mas quem tiver muito interesse, fica aqui a dica.

4º Encontro Nacional de Treinadores do Goleiro

* Matheus Berriel

Ao contrário do que muitos pensam, futebol não é sorte, ou dia. Os resultados dentro do campo são frutos de um trabalho que começa bem lá atrás, e exige toda uma preparação, que se falhar, pode (e com certeza deve) fazer com que erros aconteçam mais pra frente. O meio do futebol, principalmente o brasileiro, que parece que “parou no tempo”, traz vários questionamentos à tona. A derrota, em si, não é por que os 11 que estão do lado de cá do campo tem menos capacidade do que os outros 11. Futebol não é só bola na rede. O jogo começa antes de acontecer. As vitórias começam a surgir no investimento na formação de atletas, na renovação de treinadores, na mudança no perfil de jogadores e no investimento na qualificação de profissionais.

Sabendo disso, os responsáveis por um dos setores mais importantes (se não o mais importante) de uma equipe de futebol, decidiram se reunir e aprimorar seus conhecimentos. Em Junho de 2013, foi organizado o primeiro encontro de treinadores de goleiro do Brasil, com o objetivo de aproximar profissionais, discutir conceitos e tendências de treinamento, e analisar o que está sendo feito nos clubes brasileiros e de outros países. O evento, que aconteceu na Gávea, teve tanto sucesso que ganhou uma segunda edição, em novembro do mesmo ano, também na sede do Flamengo, onde foi criada a ABTG - Associação Brasileira de Treinadores de Goleiros.

Depois do surgimento da ABTG, que conta com profissionais de vários estados, os encontros ganharam mais força e credibilidade. O terceiro deles, já com o comando da associação, aconteceu em São Paulo, na primeira escola de goleiros do Brasil, no início de 2014. No Rio de Janeiro, foi organizado na UFRJ o primeiro curso para treinadores de goleiro, que trouxe aos interessados ações com o objetivo de qualificar os profissionais. Mais uma vez, a inciativa deu certo e ABTG ganhou força. Prova disto, é o quarto encontro nacional de treinadores de goleiros, que já está marcado para os dias 18 e 19 agosto do corrente ano, na cidade de Canoas/RS, mais precisamente na Ulbra RS, primeiro local fora da região sudeste a receber uma ação do projeto.



O evento contará com a presença de psicólogo, analista de desempenho, gestores e treinadores, entre eles Ivan Garcez, que trabalha nas categorias de base do Flamengo e é o atual presidente da ABTG. Ele, que participa desde o primeiro encontro, defende a interação dos diferentes setores do futebol e acredita que o treinamento de goleiro no Brasil vem crescendo a cada dia, desde o início na década de 70, através dos professores Valdir de Moraes e Carlesso. Hoje falam muito da importância de realizar intercâmbios para aperfeiçoamentos de treinadores. Sempre antecipado no que dá melhorias aos treinamentos, Ivan passou em 2012 um período de 20 dias na Roma, da Itália, onde conheceu uma nova metodologia que foi absorvida e adaptada aos seus treinamentos: a da valorização do sistema defensivo, algo que os italianos pregam tanto. Além de Ivan, a Associação tem grandes treinadores atuando no profissional, como Pracidelli (treinador de goleiros da Seleção Brasileira), Mauri (Corinthians), Marquinho (Internacional), Rogério Maia (Criciúma), Wagner Miranda (Flamengo), entre outros, além de grandes profissionais na base, como Thiago Melh (Atlético/PR), Danilo Minutti (Palmeiras), Marcelo Grimaldi (Grêmio), Leonardo (Internacional) e outros, que fazem parte de uma grande geração que contribui para a renovação de talentos.

Todos os eventos da ABTG tem um custo simbólico, justamente para oportunizar a todos, levando em consideração que a realidade do que é pago aos profissionais da base é bem distante do que é pago no profissional. É hora de mudar, e acima de tudo respeitar o esporte mais popular do país. O futebol brasileiro precisa de cuidados e pessoas sérias. Parabéns aos envolvidos pela atitude, e que ela possa se consolidar cada vez mais. O tão sonhado Hexacampeonato mundial do Brasil começa aqui. Link de Inscrições para o 4º Encontro Nacional de Treinadores do Goleiro: www.eventick.com.br/abtg | Investimento: R$ 130,00.

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Luva em Foco - Semana 26

De volta ao Brasileirão, o momento é de trazer quais modelos de luvas estão sendo utilizados por nossos goleiros aqui no país. Um dos destaques deste início de campeonato, o goleiro Fábio do Palmeiras, usou a luva Poker Deep III, na partida diante do Cruzeiro.


A Deep é um dos modelos mais tradicionais da Poker e um dos preferidos de seus patrocinados. Tem corte negativo e é toda em látex. Indicada para uso de goleiros profissionais em jogos.



A palma tem 3 mm de espessura e conta com o logotipo da poker impresso. O fechamento é em munhequeira elástica e cinta em velcro.

A luva custa R$279,90 na Netshoes. Veja em: http://www.netshoes.com.br/produto/luva-poker-deep-3-pro-gold-577-0038-873