• Fabio Ritter

A experiência de Van der Sar


O goleiro holandês Van der Sar, do Manchester United, deu um show hoje na partida diante do Sporting Lisboa, em Portugal. Simplesmente perfeito nos fundamentos, o goleiro que iniciou o movimento dos goleiros que saem da área para jogar com os pés, mostrou muita firmeza e elasticidade.

Na análise da partida, selecionei cinco defesas importantes do goleiro. Todavia, duas mereceram destaque, por mostraram a elasticidade do veterano goleiro de 37 anos. Aos 27 minutos do primeiro tempo, após um chute com bastante curva de Liédson, de fora da área, a bola caiu no lado esquerdo alto do goleiro, que se esticou e espalmou com a mão de canto. Aos 33 minutos do segundo tempo, após uma cabeçada no canto direito baixo, o goleiro se esticou novamente e espalmou com a mão direita para o lado.

Além dessas jogadas fantásticas, Van der Sar mostrou muita firmeza nas saídas de gol pelos alto. Naquelas que não conseguiu agarrar, o goleiro saiu muito bem de soco. Em duas ocasiões, fez boas defesas rasteiras firmes. Uma no canto direito aos 23 minutos do primeiro tempo e outra no canto esquerdo aos 41. Ainda fez boa encaixada a meia altura após desvio da barreira em cobrança de falta frontal, aos 38 minutos do primeiro tempo.

Foi uma excelente aula do goleiro que ainda esbanja técnica de chute bate-pronto nas reposições de bola. Mostrou que ainda perto dos 40 pode-se ser um excelente goleiro.

0 visualização0 comentário
logo_bola.png