• Fabio Ritter

Rafael Cabral, o melhor da América

Cansei de comentar aqui no Guarda-Metas.com o que essa última Copa Santander Libertadores trouxe de principal para a nossa posição. Ninguém mais que o goleiro Rafael Cabral, do Santos, saiu vitorioso dessa competição encerrada na última quarta-feira. O goleiro de 21 anos além de vencer a competição teve sua iniciante carreira posta à prova. A Nota final? Um 10 com louvor.

Dentre a campanha do Santos, destaco duas partidas nas quais Rafael Cabral foi fundamental. A primeira foi a das oitavas de final, diante do América no México. Aquele 0 a 0 passou diretamente por Rafael, que fechou o gol, garantindo sua invencibilidade e a classificação.

Mais tarde, nas semi-finais, diante do Cerro Porteño, um cenário parecido. O empate de 3 a 3 foi uma verdadeira guerra. No campo adversário, Rafael não temeu a pressão da torcida, tampouco dos próprios jogadores. Esteve seguro e tranquilo, participando diretamente da proteção da meta santista.

A final diante do Peñarol apenas coroou o trabalho da copa inteira, já que o goleiro não foi tão exigido como nas fases anteriores. Com o fim da Copa Santander Libertadores, não só o Santos tem a certeza de ter um grande goleiro, mas também nós brasileiros podemos ter mais um candidato à número 1 da seleção olímpica. Pelo menos por enquanto. Quem sabe já em 2014 Rafael não possa estar entre os 23?


0 visualização0 comentário