• Fabio Ritter

A boa fase de Victor

Depois de uma seqüência de grandes partidas, o goleiro Victor, do Grêmio, começa a ter destaque na impresa. Hoje o jornal Correio do Povo fez uma matéria na qual o goleiro explica como faz para alcançar as boas atuações. Leia abaixo:

Victor aprimora o reflexo com 30 defesas por dia


Nos últimos jogos, a rotina tem se repetido e o goleiro é obrigado a fazer pelo menos uma grande defesa. Foi assim contra Goiás, Botafogo, Santos e, no domingo, Portuguesa, quando fez o que parecia impossível. No lance, Patrício havia cabeceado quase à queima-roupa, para baixo. ‘Foi muito rápido e difícil porque a bola quicou no gramado. Quando vi ele chegando, procurei me concentrar só na bola’, explica.

Além da qualidade de Victor, os freqüentes milagres do goleiro são resultado de uma rotina de intenso treinamento. O jogador calcula defender de 80 a cem chutes a cada trabalho. Exclusivamente para aprimorar o reflexo, são 30 bolas. ‘Exige uma resposta rápida. A reação é quase como a de um susto e o que vale é esse tempo de reação’, explica o atleta.

O crescente reconhecimento parece ter como única conseqüência direta um discreto sorriso do goleiro. O sonho de um dia chegar à Seleção Brasileira persiste, mas não aparenta ser algo que tire o sono do jogador. ‘O Júlio César até pela idade tem tudo para ser o goleiro do Brasil pelo menos mais uns quatro anos’, analisa Victor. (…)

0 visualização0 comentário
logo_bola.png