• Fabio Ritter

A Copa dos Goleiros


Se essa é a Copa das Copas, para mim é também a Copa dos Goleiros. Nossos parceiros tem brilhado muito nos gols durante este mundial. Além de nomes já consagrados como Manuel Neuer, da Alemanha, e Thibaut Courtois, da Bélgica, o mundial também mostrou o valor dos baixinhos Keylor Navas, da Costa Rica, e Memo Ochoa, do México.

Poderíamos continuar com essa lista citando ainda Raïs M’Bolhi, da Argélia, Diego Benaglio, da Suiça, Júlio César, do Brasil, até de fato chegar aos 32 participantes da Copa. O fato é que a preparação de goleiros chegou ao seu ápice. Prova disso, é a jogada de mestre de Louis Van Gaal, técnico da Holanda, que trocou os goleiros na hora do pênalti e tornou seu reserva, Tim Krul, o herói da partida. Isto porque o goleiro era especialista em pênaltis e catou duas cobranças levando seu time às semi-finais. Como ignorar essa importância dos camisas 1?

Trago desde 2007, aqui no Guarda-Metas.com, informações acerca da formação de goleiros com fundamentos, equipamentos e muitas referências de treinamentos ao redor do mundo. Cada país tem sua escola, seu estilo, e tenho a certeza que todos podem colaborar com a melhora da Escola Brasileira. Por isso, faço questão de trazer tudo que é tipo de material novo que encontro, principalmente pela web, para ajudar na formação dos nossos goleiros.

Essa Copa tem mostrado que todas essas escolas tem sim suas virtudes. Prova é a extensa lista que mostrei acima, e que ainda pode continuar, de goleiros em destaque no mundial. Os preparadores de goleiro tem mandado muito bem mundo afora. Palmas para esses profissionais que tornaram os goleiros do mundo provavelmente a melhor posição nesta Copa do Mundo!

0 visualização0 comentário
logo_bola.png