• Fabio Ritter

A hora do goleiro reserva


Entrar no lugar do goleiro titular nunca é uma tarefa fácil. Seja no decorrer da partida, seja antes de uma partida importante, o goleiro sempre sofre com a falta de ritmo para substituir seu companheiro. Tem de estar pronto e muito bem treinado para então corresponder a altura.

Há poucos dias o goleiro Dênis, do São Paulo, teve de entrar durante a partida e correspondeu a altura de Rogério Ceni. No último domingo, o técnico Alex Ferguson, do Manchester United, escolheu Ben Foster, de 25 anos, para encarar a final da Carling Cup, diante do Tottenham.

Além de substituir o mulit-campeão e veterano Van der Sar, Foster teria o desafio de encarar uma final de competição nacional. Mas no final da partida, não só se saiu bem, como foi apontado como o herói da partida pelo seu técnico. Foster defendeu o primeiro dos pênaltis cobrados nas disputas que deram ao Manchester o título.

Por isso, os reservas que estejam bem preparados, pois são nessas situações que surgem novos ídolos. Marcos, do Palmeiras, é um exemplo. Tornou-se titular em 1999 na lesão de Velloso. Foster pode ser o goleiro que Fabio Capello tanto procura para o gol da seleção inglesa.

0 visualização0 comentário
logo_bola.png