• Fabio Ritter

A sina do Galo continua

Um goleiro por favor! Deve ser esse o pedido que toda a torcida atleticana deve estar fazendo no momento. A última tacada do técnico Vanderlei Luxemburgo foi apostar no veterano Fábio Costa, encostado no Santos mas velho conhecido dele.

A aposta de Luxa parece ter azedado já na primeira partida. Fábio Costa falhou feio no segundo gol do Atlético diante do xará Goiano. Ele errou o tempo da bola e acabou não acertando em nada. Na sequência do lance, o atacante mandou a bola para as redes.


Depois de apostar no instável goleiro uruguaio Carini no início da temporada, Luxemburgo testou Aranha. O goleiro não pareceu suficientemente seguro para o treinador. Assim, ele trouxe Marcelo, ex-Corinthians, e que estava no Bahia. Foi necessário apenas um erro, diante do Vitória (colocar link), para que o treinador mudasse de idéia novamente.

Fábio Costa chegou como a solução dos problemas para o gol do Galo. O começo, convenhamos, foi o pior possível. Vamos dar um tempo para o goleiro retomar o ritmo de jogo. Afinal, ele mesmo colocou a culpa deste gol no grande tempo em que esteve parado.

No entanto, o blogoleiro que me conhece sabe que não sou muito fã de Fábio Costa. Diante das opções acima, eu iria de Aranha. Tem mais recurso técnico e precisa apenas de um pouco mais de experiência. Costa, para mim, parece um atleta sem vontade já faz algum tempo.

0 visualização0 comentário
logo_bola.png