• Fabio Ritter

Defesa D’grau da Semana 28

A final da Copa América trouxe a consagração de dois grandes goleiros: Fernando Muslera, do Uruguai, e Justo Villar, do Paraguai. Ambos fizeram um grande campeonato, sendo o último coroado com o prêmio de melhor da posição.

Na final, separei dois grandes lances. Primeiro Muslera que voa no ângulo para tirar com a ponta dos dedos uma bomba frontal em chute que caiu nas suas costas. Grande impulsão do goleiro.

A segunda defesa vinda da Copa América é de Villar que mostrou muita agilidade para buscar a bola desviada no seu zagueiro após chute frontal.

Do Brasileirão vieram as duas defesas restantes. Primeiro, o goleiro Márcio, do Atlético Goianiense garantiu aos 48 do segundo tempo o bom empate diante do São Paulo fora de casa. Em uma jogada 1 vs. 1 esperou até o último momento para mergulhar no canto esquerdo rasteiro.

Por fim, o veterano Marcos, do Palmeiras, mostrou que ainda está com o reflexo em dia. Após cabeçada frontal de Fred, o goleiro espalmou para escanteio, mostrando muita velocidade de reação.

Veja as defesas indicadas abaixo e vote no menu ao lado.


0 visualização0 comentário