• Fabio Ritter

Defesa D’grau da Semana 4

A semana 4 da Defesa D’grau traz simplesmente quatro milagres espalhados pelos estaduais do Brasil. Vou confessar que ficou bem difícil apontar qual foi a melhor defesa. Mas como isso é tarefa do blogoleiro, segue abaixo os indicados.

O primeiro indicado é o goleiro Oliveira, do Toledo, do Paraná. Mesmo perdendo de 4 a 0 diante do Atlético Paranaense, na rodada de meio de semana, o goleiro fez uma excelente defesa de recuperação. Repare na jogada 1 vs. 1 que o chute sai mascado o que acaba enganando o goleiro. Depois de quase cair, Oliveira recupera-se e mostra grande impulsão e força para espalmar a bola para escanteio. Dificílima defesa de grandes recursos.

A segunda defesa indicada é de Fábio, do Cruzeiro, relembrando os velhos tempos. Depois de um chute forte de fora da área, Fábio se espicha todo e espalma com a mão de canto. Na sequência da jogada, excelente recuperação e fechamento de ângulo na jogada 1 vs. 1.

Dênis, do São Paulo, destacado ontem aqui no GM merece a terceira defesa. O bom deslocamento lateral mesclado com grande velocidade de reação e boa impulsão resultou em um milagre do goleiro tricolor no clássico diante do Corinthians.

Por fim, uma outra grande defesa, desta vez de Diego Cavalieri, do Fluminense. No clássico diante do Vasco, o goleiro posicionou-se bem no primeiro poste, deslocando-se corretamente para o segundo para fechar o gol. Mostrou grande posicionamento e reflexo para salvar o chute em cima da linha.

Veja as defesas indicadas abaixo e vote no menu ao lado.


0 visualização0 comentário
logo_bola.png