• Fabio Ritter

Defesa Stand da Semana 17

As finais dos campeonatos estaduais só tiveram verdadeiros milagres. E cada um com sua técnica específica. Um verdadeiro show para a última edição da Defesa Stand da Semana, versão estaduais.

Começamos na final do Paulistão, na qual o goleiro Rafael Cabral, do Santos, fez uma das saídas mais precisas que vi ultimamente. Após ficar mano a mano com o adversário, Rafael anteviu a jogada e mergulhou nos pés do atacante bloqueando com firmeza o cruzamento. Uma saída de gol sensacional que evitou o gol adversário.

Em Minas, o novo titular do Atlético, Giovanni, também praticou uma bela defesa em um chute frontal. Voou bonito no alto para uma bela mão trocada.

De Porto Alegre, vieram as duas defesas finais. O goleiro do Caxias, Paulo Sérgio, teve uma atuação de luxo, diante do Internacional. Além de pegar pênalti, o goleiro pegou até pensamento no Beira Rio. Apesar da derrota, separei um dos milagres executados por Paulo. Após uma cabeçada frontal, ele mergulhou no chão e deu um tapa na bola no melhor estilo Gordon Banks.

Por fim, na mesma partida, Muriel, do Inter, fez a defesa do título do Gauchão. Aos 45 minutos do segundo tempo, o goleiro voou no ângulo tirou de mão trocada o chute forte disparado da entrada da área. Grande impulsão e elasticidade do goleiro que vem se firmando cada vez mais como 1 do colorado.

Confira as defesas indicas abaixo e vote no menu ao lado.


0 visualização0 comentário