• Fabio Ritter

Finais de primeiro turno

Voltando depois de uma breve pausa para o Carnaval (também sou filho de Deus) analiso algumas jogadas das rodadas do final de semana pelos Estaduais. Em alguns deles, foi dia de clássico com as finais de primeiro turno. No Rio não foi bem um clássico, mas a final entre Botafogo e Resende ocorreu também.

Nessa partida, inclusive, destaque para o terceiro gol do Botafogo, quando o goleiro do Resende, Cléber, fez bela defesa, saiu para catar o rebote e foi atrapalhado por um zagueiro mais perdido que cego em tiroteio. O goleiro ficou louco com o zagueiro pois a bola, sem dúvidas, era dele. E parece que ele gritou dizendo que era dele.


No Gre–Nal, ambos os goleiros, Victor e Lauro, tiveram um pouco inseguros, apesar de praticarem boas defesas. Victor fez duas grandes defesas em chutes cara a cara no primeiro tempo. Não teve culpa nos gols. Falhou em um lance que soltou uma bola fácil, mas se recuperou logo em seguida. Lauro também soltou bolas fáceis, mas também não teve culpa no gol. Alguns acharam que ele pulou atrasado, mas o chute de Alex Mineiro foi da risca da área e muito angulado.


0 visualização0 comentário