• Fabio Ritter

Pixotadas dos goleiros

Foi assim que o site Globoesporte.com definiu os três erros dos goleiros de Santos, São Paulo e Cruzeiro na última rodada do Brasileirão. Douglas, Dênis e Andrey, respectivamente falharam no jogo com os pés e acabaram levando gols.

Isso só reforça a tese de que necessita-se trabalhar mais este fundamento tanto nos treinamentos dos profissionais quanto na base, na formação dos goleiros. A importância de um goleiro que saiba jogar bem com os pés hoje é muito grande, haja visto o número alto de solicitações deste tipo de jogada durante a partida.

Recuar a bola para o goleiro significa começar o jogo, iniciar uma nova tentativa de ataque do zero. Por isso, não basta apenas saber dar chutões, mas é importantíssimo saber sair jogando, passar e fazer bons lançamentos. Portanto, cobre seu treinador para colocar mais atividades destas em treinamentos para simular esas situações reais de jogo.


0 visualização0 comentário