• Fabio Ritter

Rodada dos Goleiros

A primeira rodada do Brasileirão Chevrolet 2016 sem dúvida nenhuma foi dos goleiros. Com apenas 14 gols em 10 partidas, a média de gol foi de apenas 1,4. Um número muito baixo, sem dúvida nenhuma.

A razão disso certamente é complexa. Esquemas táticos, questões técnicas, posturas de times e técnicos, entre outras. Os sistemas defensivos, no entanto, são os que mais despontam como a razão principal. É a metade cheia do copo. Afinal de contas, se foram poucos gols, no mínimo os zagueiros e goleiros estão desempenhando bem seus papéis.

Dentre as diversas boas atuações que tivemos, gostaria de destacar a de Danilo, da Chapecoense. O goleiro que vem fazendo boas temporadas, desde o acesso da Chape em 2014, fechou o gol no Beira-Rio diante do Internacional. Além de catar pênalti, fez um milagre na sequência da jogada. Inclusive, notícias dão conta que o Sport estaria interessado em levar o goleiro para Recife para substituir o seu xará, recém contratado justamente pelo Internacional. Confira as defesas de Danilo abaixo.


Outro ponto a se destacar nesta primeira rodada foi o fato dos vinte goleiros que entraram em campo terem atuado exatamente no mesmo time na temporada passada. Seja como reserva, ou como titular, os goleiros estão no mínimo na segunda temporada com suas respectivas camisas. Isso mostra a tendência da posição ser uma dos poucas com longevidade nos clubes no Brasil.

Que seja um grande campeonato, repleto de partidas invictas e grande defesas para nossos goleiros!

0 visualização0 comentário